Linha aberta das 9h - 19h, Seg. a Sex

(+351) 308 804 992 LIVE CHAT
  • Serviço Discreto

    Embalagem e Facturação Discreta e Simples

  • Envio grátis para Portugal em encomendas acima de 50€

    Escolhe o seu dia de preferência

  • Os nossos clientes adoram-nos!

    Avaliações independentes pelo TrustPilot

A Verdade dos Super Alimentos

Cada vez mais se ouve falar dos super-alimentos, mas será que é bom para a saúde ingerir estes alimentos? Saiba mais sobre os melhores alimentos para a sua saúde aqui nesta página.

Os super-alimentos, são novidade?

Talvez não tenha visto as notícias ultimamente, dietas malucas ou anúncios a promover as mais recentes novidades no mundo dos super-alimentos - tudo para atrasar o envelhecimento e promover a perda de peso. A quantidade de informação pode ser avassaladora, e damos com o nosso cérebro a perguntar se realmente: os super-alimentos são mesmo bons para a saúde?

A verdade, dita por uma perita em nutrição, Dra. Penny Kris-Etherton que afirma que os tão famosos super-alimentos são bons para a sua saúde em geral e em especial do coração, quando combinados com uma dieta saudável, rica em fruta e frutos secos, legumes, vegetais, leguminosas e óleos vegetais. Ingerir os super-alimentos numa dieta pobre e má, não lhe vai trazer os mesmos benefícios que traz a alguém que opta por uma dieta saudável.

Não existe nenhum critério estandardizado ou lista aprovada de super-alimentos, diz a Dra. Kris-Etherton.

"Comer 'super-alimentos’ não lhe vai fazer mal nenhum. A maioria são muito saudáveis," diz a Dra. Penny. "Como uma especialista em dietética, eu gostava de ver as pessoas a comerem mais leguminosas, vegetais, frutos secos, sementes, fruta e óleos de origem vegetal, pela sua saúde!"

Mas será que os alimentos são, definitivamente super?

A maioria dos mitos sobre os super-alimentos são criados através dos esforços do marketing, para denegrir a sua imagem, e incentivar as pessoas a comprar a comida má - comida processada e comida artificial, que ocupa mais de 80% dos supermercados usuais. Os super-alimentos são bons e devem ser usados em moderação como qualquer outro alimento natural! Os media e as estratégias de marketing, tendem a fazer promessas de que os super-alimentos mudam a sua vida do dia para a noite, mas não funciona bem assim. Tal como qualquer tratamento feito com uma dieta saudável, não será do dia para a noite que os resultados aparecem, mas sim após algum tempo - no mínimo, começa a ver resultados positivos em 1 semana!

"Muitas pessoas têm expectativas irreais sobre estes alimentos, pensando que vão prevenir as doenças crónicas e problemas cardíacos," diz a nutricionista. "Elas até podem comer um ou dois super-alimentos, mas estes não vão fazer milagres se depois se alimentam apenas de hamburgers e gelados!"

Comer demasiado do mesmo alimento podem impedir o seu corpo de absorver os nutrientes necessários e que este precisa.

Actualmente, nos Estados Unidos e na Europa, mais de metade da população está com falta de nutrientes, não pelas mesmas razões que as pessoas em África - escassez de comida - mas sim porque dão prioridade a alimentos de "plástico", 100% processados e cheios de químicos.

Em adição aos nutrientes e vitaminas essenciais, muitas frutas, vegetais, frutos secos e sementes fornecem fito-químicos - compostos químicos encontrados nas plantas - que ajudam a diminuir o risco de arteriosclerose - o aumento de depósitos de gordura nas paredes das artérias.

Super-alimentos Ajudam a Emagrecer

Quando aliados a uma dieta saudável e mais "verde", e a um estilo de vida activo, os super-alimentos tornam-se parte do seu dia a dia e também os seus melhores amigos para emagrecer. Desde sementes a potentes plantas, várias alimentos têm as capacidades de estimular o organismo a emagrecer de forma saudável. O cafe verde, quinoa, sementes de linhaça, ou aipo, são todos super-alimentos que sempre foram consumidos pelos nossos antepassados! A sociedade moderna acabou por introduzir novidades más nos nossos pratos, e modificou o paladar de muitas pessoas! A ShytoBuy recomenda a procura por uma dieta saudável a a educar o paladar para a vasta oferta de super-alimentos. Se procura emagrecer, temos também super alimentos como o Cafe Verde Puro em cápsulas, que ajuda a iniciar um estilo de vida mais saudável.

Quantidades Moderadas

Pesquisas demonstram que os compostos bio-activos do cacau trazem óptimos benefícios à saúde, contundo é preciso ter em mente que apenas é bom ingerir cacau em estado natural, o famoso chocolate negro, mesmo tendo um elevado teor de cacau, contem açúcar, que não é bom para a dieta.

O mesmo acontece com o vinho - embora a ingestão de vinho (1 copo por dia), faça bem à saúde, não é motivo para abusar nas doses!

Frutos secos, legumes e sementes são uma óptima fonte de proteína e de gorduras poli-insaturadas e mono-insaturadas, quando comidos em moderação. Opte por amêndoas, amendoins, pistácios e nozes sem sal ou açúcar.

O chá verde ou cafe verde, contêm propriedades muito semelhantes que promovem os níveis de energia, protegem as células e ajudam ainda a emagrecer!

Bagas ou frutos vermelhos como os mirtilos ou morangos têm elevados níveis de fito-químicos chamados de flavonóides, diminuindo a probabilidade de problemas cardíacos.

A abóbora é baixa em calorias, contem muita fibra e vitamina A.

A couve fornece imensa vitamina A e C, potássio e fito-químicos.

Estes são apenas alguns exemplos de super-alimentos, existindo muitos outros que estão acessíveis às pessoas nos supermercados, sendo a opção mais saudável para qualquer um!

Newsletter
Registe-se para Ganhar Ofertas Especiais