Linha aberta das 11h - 20h, Seg. a Sex

(+351) 308 804 992 LIVE CHAT
  • Serviço Discreto

    Embalagem e Facturação Discreta e Simples

  • Envio grátis para Portugal em encomendas acima de 50€

    Escolhe o seu dia de preferência

  • Os nossos clientes adoram-nos!

    Avaliações independentes pelo TrustPilot

Tratar Cortes de Lâmina com Aloe Vera

Tratar Cortes de Lâmina com Aloe Vera

A lâmina apresenta-se como uma solução rápida e prática para depilação de emergência e ainda como uma aliada para o barbear de todos os dias. No entanto, ao fim de algum tempo de uso, lâmina pode transformar-se numa inimiga e causar alguns desconfortos.

Em alguns casos, após a utilização da lâmina para a barba ou a depilação, a pele ressente-se com cortes e irritações. Além das marcas na pele, é possível que este método de corte seja um dos responsáveis pelo aparecimento de pêlos encravados , feridas e alergias.

Saiba por que razão o uso de lâmina pode causar corte e pêlos encravados, a melhor forma de tratar cortes de lâmina e conheça ainda os benefícios do aloe vera no tratamento e prevenção de cortes e pêlos encravados.

Lâmina e pêlos encravados

O uso da lâmina de barbear para eliminar pêlos é o método de eleição de muitos. É rápido e eficaz e, além disso, a grande oferta de lâminas faz com se seja acessível a todos.

Para eles, usar a lâmina para a barba é um hábito quase diário. Enquanto alguns homens optam por um visual mais descontraído e usam barba, muitos outros optam por cortar e manter a face sempre suave e sem pêlos.

Já no caso das mulhes, a lâmina é mais utilizada para cortar os pêlos corporais, sem recorrer a métodos que podem ser mais demorados, dispendiosos e dolorosos.

Tratar Cortes de Lâmina com Aloe Vera

De qualquer forma, o uso de lâmina é um dos principais responsáveis pelo aparecimento de pêlos encravados. Quando em zonas expostas, como é o caso do rosto ou das pernas, os pêlos encravados são incómodos e dão mau aspecto, principalmente quando criam infecção e pus.

A lâmina não arranca o pêlo por isso não interfere no seu crescimento. No entanto, ao passar a lâmina sobre os pêlos, eles tornam-se pontiagudos (razão pela qual muitas pessoas acreditam que a lâmina faz com que os pêlos se tornem mais grossos) e, ao crescerem, correm o risco de voltarem a entrar na pele, dando origem a pêlos encravados, muitas vezes, com irritação, vermelhidão e desconforto. Algumas zonas do corpo, como as virilhas e axilas, são mais propensas ao aparecimento de pêlos encravados, uma vez que estão mais escondidos, existem dobras de pele e há mais fricção nestas zonas.

Nestas situações, uma boa forma de tratar pêlos encravados é recorrer a cremes que tratam e previnem o aparecimento destes, ao mesmo tempo que protegem a pele.

Cortes de lâmina

Os cortes com as lâminas de barbear são muito frequentes, principalmente na depilação das zonas mais sensíveis do corpo ou no rosto, no caso da barba masculina. Além de serem desagradáveis, estes cortes podem ser responsáveis pelo surgimento de feridas e irritação e ainda de pêlos encravados.

Um dos grandes perigos destes cortes com a lâmina é que estas facilitam a entrada de bactérias, principalmente se já existirem feridas ou zonas com irritação. Isto é, se voltar a passar a lâmina numa zona da pele já irritada ou com alguma ferida, corre o risco de transportar células infectadas de umas zonas para a outras, dando origem a contaminação e infecção mais prolongada.

Como tratar cortes de lâmina

A melhor forma de tratar os corte de lâmina e evitar pêlos encravados após a depilação, é lavar a ferida com bastante água. Depois de controlar o sangramento e desinfectar a zona (evite produtos à base de álcool que apenas vão irritar a zona) aplique um bom creme para manter a pele hidratada e cuidada.

Cremes à base de aloe vera parecem ter bons resultados uma vez que esta planta tem inúmeros benefícios para o tratamento de problemas de pele.

Para tratar cortes de lâmina, o aloe vera apresenta-se como uma boa ideia. Além de ajudar a tratar os cortes superficiais, o aloe vera vai ajudar a acalmar a pele e aliviar as dores. Pode optar por cremes à base de aloe vera ou usar uma folha da planta corta ao meio directamente no corte.

Um dos truques para evitar sofrer com cortes de lâmina é usar equipamentos com mais que uma linha de lâminas, para que o corte seja eficaz e não tenha de fazer várias passagens com a lâmina na mesma zona da pele. Da mesma forma, o conselho é trocar de lâmina com alguma frequência. Caso já tenha tido inflamação nalguma área, evite ao máximo usar lâmina nessa zona.

Ainda para evitar sofrer com cortes de lâmina, escolha cortar os pelos, principalmente da barba, logo depois do banho, quando o rosto ainda se encontra húmido e a pele macia.

Benefícios do Aloe Vera

Tratar Cortes de Lâmina com Aloe Vera

O aloe vera é usado desde há muitos anos com as mais diversas finalidades curativas. Esta planta, em forma de cacto, sobrevive com relativa facilidade dentro de casa, pelo que é uma boa aposta para qualquer lar. A seiva contida das suas folhas é aproveitada pela medicina e pela cosmética para a transformação em cremes, loções, hidratantes e medicamentos.

Mas esta planta não serve apenas para tratar cortes de lâmina e evitar problemas com pêlos encravados. São vários os benefícios desta planta para todo o corpo:

  • Trata irritações e problemas de pele, graças às propriedades regenerativas;
  • Hidrata o cabelo e o couro cabeludo;
  • Trata problemas intestinais, como a obstipação, aumentando o teor de água intestinal;
  • Ajuda no processo de digestão, normalizando e equilibrando o pH;
  • Fortalece o sistema imunológico e melhora o humor;
  • Reduz a inflamação graças ao efeito antioxidante, protegendo o corpo contra algumas doenças;
  • Ajuda a tratar a diabetes.

Newsletter
Registe-se para Ganhar Ofertas Especiais