Linha aberta das 11h - 20h, Seg. a Sex

(+351) 308 804 992 LIVE CHAT
  • Serviço Discreto

    Embalagem e Facturação Discreta e Simples

  • Envio grátis para Portugal em encomendas acima de 50€

    Escolhe o seu dia de preferência

  • Os nossos clientes adoram-nos!

    Avaliações independentes pelo TrustPilot

Maneiras para melhorar as bactérias boas do intestino

Para quem não sabe, existe uma grande variedade de bactérias no nosso corpo, a maioria delas estão nos intestinos. Em conjunto estas bactérias são conhecidas pela sua extrema importância na nossa saúde.

Mesmo assim existem bactérias no nosso intestino que podem ser prejudiciais e contribuir para o aparecimento de doenças. Os alimentos que comemos ditam o tipo de bactérias que estão no nosso corpo.

Alimentos Boas Bactérias

O que fazer para ter bactérias boas no nosso corpo

Coma vegetais, feijões, frutas e legumes

Os vegetais, os feijões, as frutas e os legumes são alimentos ricos em fibras e normalmente não são digeridas pelo organismo, contudo a fibra é consumida pelas bactérias que estão no nosso intestino e assim estimulam o seu crescimento.

Existem variadíssimos alimentos como as framboesas, as alcachofras, as ervilhas, os brócolos, os grãos, as lentilhas, os feijões e os cereais, são ricos em fibras e muito bons para o crescimento de bactérias boas no nosso intestino.

Seguir uma dieta rica em frutas e vegetais impede o crescimento das bactérias más para o nosso intestino e saúde porque estas são mais propicias a causar doenças. Os probióticos são consideradas as bactérias benéficas à nossa saúde porque ajudam a prevenir inflamação intestinal melhorando a saúde e eficácia do intestino. Para obter e aumentar estes probióticos as maçãs, as alcachofras, as amêndoas e os pistácios são alimentos muito recomendados para tal.

Ingira diversos alimentos

Existem várias espécies de bactérias nos nossos intestinos, e cada espécie tem o seu papel na nossa saúde e exige diferentes nutrientes para o seu crescimento. Quanto maior for a diversidade de bactérias boas no nosso intestino, maiores serão os benefícios para a saúde.

Um dieta com diversos alimentos conduz a uma microbiota diversificada. A dieta ocidental não é a melhor pois a maioria dos alimentos que são consumidos contém muita gordura e açúcar. No entanto em regiões rurais as alimentações são mais diversas e ricas em vegetais.

Alimentos Fermentados

Consuma alimentos fermentados

Os alimentos fermentados são alimentos que regra geral são modificados pelos micróbios. O processo de fermentação envolve geralmente bactérias ou leveduras e açucares em ácidos orgânicos ou álcool. Os alimentos fermentados como os iogurtes, o chucrute, o Kefir, o Kimchi, o Kombucha e Tempeh, são alimentos que são ricos em lactobacilos, uma bactéria que pode beneficiar a saúde.

As pessoas que consumirem maiores quantidades de iogurte apresentam mais lactobacilos nos intestinos, por outro lado, estas pessoas apresentem menos Enterobacteriaceae, uma bactéria associada à inflamação e a doenças crónicas.

Estudos mostram que o consumo de iogurte pode trazer benefícios à saúde e beneficamente modificar as bactérias intestinais, para além disso, pode também melhorar os sintomas de intolerância à lactose. Ainda assim convém ter atenção pois a maior parte dos iogurtes aromatizados contém açúcar e os melhores para consumo são sempre os iogurtes naturais.

Alimentos fermentados com soja como o leite, pode promover o crescimento de bactérias benéficas como os probióticos e lactobacilos, ao mesmo tempo diminui as quantidades de bactérias prejudiciais à saúde.

Pre-bióticos

Consuma alimentos Pré-Bióticos

Os alimentos pré-bióticos promovem o crescimento de micróbios benéficos ao intestino. Os melhores pré-bióticos são as fibras e os hidratos de carbono, isto porque são geralmente complexos para serem digeridos pelas células do nosso organismo. Muitas frutas e legumes também contém pré-bióticos, para além destes, existem ainda mais alimentos que contém pré-bióticos.

Alguns estudos realizados mostram que os pré-bióticos ajudam a promover o crescimento de bactérias saudáveis, incluindo os probióticos. A maioria destes estudos mostraram ser benéficos para tratar algumas doenças.

Alguns pré-bióticos ajudam a reduzir a insulina, triglicerídeos e níveis de colesterol em pessoas que não sejam obesas. Com isso reduzir o risco de doenças associadas à obesidade, doenças cardíacas e diabetes.

Evite adoçantes artificiais

Alguns estudos mostraram que os adoçantes artificiais podem afetar negativamente a microbiota intestinal. O aspartame por exemplo, um adoçante artificial, causa redução de peso, mas também provoca o aumento de açúcar no sangue, levando a uma fraca resposta de insulina do nosso organismo. Este estudo mostrou ainda alterações na microbiota, causada pelos adoçantes artificiais, levando a efeitos negativos sobre os níveis de açúcar no sangue.

Comece dieta baseada em vegetais

As dietas que contêm alimentos de origem animal levam diferentes tipos de bactérias intestinais em relação às dietas à base de vegetais. A dieta vegetariana ajuda a beneficiar a microbiota intestinal, isto deve-se ao seu conteúdo de fibras mais elevado.

Uma dieta vegetariana reduziu as bactérias que causam doenças em pessoas obesas, ajudando ainda na redução de peso, inflamação e níveis altos de colesterol. No entanto, ainda não se sabe se os benefícios de uma dieta vegetariana sobre a microbiota intestinal são simplesmente devido à falta da ingestão de carne, contudo os vegetarianos tendem a levar estilos de vida mais saudáveis do que os omnívoros.

Cereais Integrais

Consuma cereais integras

Os grãos contêm muita fibra e não são carboidratos digeríveis, estes carboidratos não são absorvidos pelo intestino delgado e em vez disso, seguem o seu caminho para o intestino grosso. Eles são decompostos pela microbiota e promovem o crescimento de bactérias benéficas.

Os cereais integrais podem promover o crescimento dos probióticos, lactobacilos e bacteroidetes. Os grãos integrais ajudam a reduzir a inflamação e doenças cardíacas.

Consuma alimentos ricos em polifenóis

Os polifenóis são compostos de plantas benéficas para a saúde, incluindo na redução da pressão arterial, inflamação, níveis de colesterol e stress. Os polifenóis nem sempre são digeridos pelas células do nosso corpo. São assim direcionados para o cólon, onde podem ser digeridos por bactérias do intestino.

As amêndoas, as cebolas, os mirtilos, os brócolos, o cacau, o vinho tinto e o chá verde são alimentos ricos em polifenóis. Os polifenóis de cacau podem aumentar a quantidade de probióticos e lactobacilos, bem como reduzir a quantidade de clostridia.

Intestino Grosso

O que são Probióticos?

Os probióticos são muito importantes para o normal funcionamento e estado da flora intestinal. Existem no mercado imensas marcas de probióticos, sendo também possível encontrar medicamentos probióticos para ajudar a regular a flora bacteriana.

Os probióticos são microrganismos ou bactérias vivas que são benéficas para o portador. Os probióticos são organismos vivos que, administrados em quantidades adequadas, conferem benefícios para a saúde.

Benefícios dos alimentos probióticos

Estas bactérias boas que podem ser consumidas todos os dias e vão trazer vários benefícios ao nosso organismo, como melhorar a digestão, regulação da flora intestinal, eliminar toxinas, combater de doenças intestinais, aumenta a absorção de nutrientes essenciais, reduz a absorção de moléculas responsáveis pelo colesterol, combate problemas como a candidíase, hemorróidas e infeções urinárias graças à produção de antibióticos naturais que são depois absorvidos pela corrente sanguínea, aumentando a eficácia do sistema imunitário devido ao aumento da produção de células responsáveis pela defesa do organismo.

Na ShytoBuy.pt pode encontra os seguintes suplementos: Digestive Science Maximum Digestion Probiotic , este produto ajuda a manter o sistema digestivo saudável, contém 10 tipos diferentes de bactérias boas, ajuda a manter uma flora intestinal equilibrada, ajuda a eliminar as bactérias más limpando os seus intestinos e ajuda a estimular o sistema imunitário; e o EMUAID Probiótico Primeira Defesa que ajuda a restaurar a saúde digestiva, constrói um sistema imunitário mais saudável, ajuda a combater infeções virais e fúngicas e ajuda a melhorar a saúde em geral.

Newsletter
Registe-se para Ganhar Ofertas Especiais