• Serviço Discreto

    Embalagem e Facturação Discreta e Simples

  • Envio grátis para Portugal em encomendas acima de 50€

    Escolhe o seu dia de preferência

  • Protecção dos Dados de Clientes

    Os seus dados estão seguros e protegidos connosco

Demasiado rápido? Saiba mais sobre a Ejaculação Precoce

A ejaculação precoce é um problema comum e que afecta 1 em cada 10 homens. Este problema embaraçoso pode ocorrer devido a várias causas, podendo estas serem tratadas de modo a recuperar a sua boa performance sexual. Encontre aqui os melhores produtos do mercado para ajudar a retardar a ejaculação*.

O que é a ejaculação precoce?

A ejaculação precoce é a ejaculação descontrolada, quer seja antes ou pouco depois na penetração sexual. Isto acontece com a mínima estimulação sexual, e antes do homem desejar ejacular. A ejaculação prematura pode resultar em sexo insatisfatório para ambas as pessoas, e consequentemente, aumentar a ansiedade, que em muitos casos, apenas piora o problema. Este é um dos problemas mais comuns da disfunção sexual masculina; na realidade, é provável que todos os homens, em certa altura da sua vida, tenham sofrido de ejaculação prematura.

Na maioria dos casos, quando um homem conclui que tem este problema íntimo geralmente não sabe como cuidar da ejaculação precoce, como controlar, e o que causa. Aqui iremos explicar-lhe aquilo que necessita de saber sobre este tema comum a grande parte do sexo masculino, quer seja durante um período de longa ou curta duração. Continue a ler e aprenda aqui algumas dicas para a ejaculação precoce.

O que causa a ejaculação precoce masculina?

A maioria dos casos de ejaculação precoce não tem um motivo específico. Com a experiência e idade sexual, os homens têm a tendência a prolongar o seu orgasmo. A ejaculação precoce pode ocorrer com um novo parceiro, ou em certas ocasiões sexuais, ou em casos de haver uma grande diferença de tempo desde a última ejaculação. Os factores psicológicos, como a ansiedade, culpa ou depressão, podem também causar a ejaculação prematura. Em alguns casos, pode estar relacionado com problemas médicos, como problemas hormonais, lesões, ou efeitos secundários de alguns medicamentos.

Sendo que a pergunta mais comum neste tema é “como controlar a ejaculaçao precoce masculina?”, isso irá depender do motivo por detrás desse problema, sendo crucial descobrir qual ou quais as causas.

Causas Psicológicas

Alguns médicos acreditam que experiência sexuais muito precoces, estabelecem um padrão que pode ser difícil de alterar mais tarde na vida, tais como:

Situações onde teve de se apressar para atingir o climax sexual, para evitar ser descoberto; ou sentimentos de culpa que aumentam a tendência para se apressar nos momentos íntimos.

A disfunção eréctil é um dos factores que pode provocar a ejaculação prematura, pois os homens com ansiedade em manter a erecção tendem a sofrer de ejaculação precoce, o que pode prejudicar ainda mais o problema inicial. Leia mais sobre Impotência aqui.

A ansiedade é uma das principais causas da ejaculação precoce. A maioria dos homens sente-se ansioso, quer seja por outros problemas na vida, ou em particular no seu desempenho sexual.

Problemas íntimos e de relacionamentos podem também ser a causa. Se tem ou teve problemas no seu relacionamento amoroso, e estes não ficaram resolvidos, pode estar a provocar a falta de controlo na ejaculação.

Problemas Biológicos

Existe um grande número de factores biológicos que contribuem para a ejaculação antecipada, incluindo:

  • Níveis hormonais anormais
  • Níveis anormais dos químicos cerebrais chamados de neurotransmissores
  • Actividades anormais dos reflexos ou sistema ejaculatório
  • Certos problemas na tiróide
  • Inflamação ou infecção na próstata ou uretra
  • Genética
  • Danos nos nervos de cirurgia ou trauma (raro)

Factores de Risco

Existem alguns factores de risco que podem aumentar as probabilidades de sofrer de ejaculação precoce.

A disfunção eréctil pode aumentar o risco de ejaculação precoce caso tenha o problema de manter a erecção. Se este problema for recorrente, o medo consciente ou inconsciente de perder e erecção, provoca em muitos casos a sensação de pressa nos encontros sexuais, o que provoca a ejaculação precoce.

Problemas de saúde, como condições crónicas, tais como problemas cardíacos, podem deixar os homens mais ansiosos durante o sexo, e desta forma apressarem-se para a ejaculação.

O Stress, proveniente de problemas emocionais e mentais, pode ter um grande impacto na vida sexual, o que causa a ejaculação precoce; em geral, após o stress acabar, a vida sexual tende a voltar ao normal.

Quais são os sintomas?

O principal sintoma é uma ejaculação descontrolada, quer seja antes ou pouco tempo depois do relacionamento sexual ter iniciado. A ejaculação ocorre antes do homem querer que esta acontece, e acontece apenas com o mínimo estímulo sexual.

Qual é o tratamento para ejaculação precoce?

Em vários casos, a ejaculação prematura melhora com o passar do tempo*. O tratamento para e ejaculação pode não ser necessário. Praticar técnicas de relaxamento ou métodos de distracção, pode ajudar a retardar a ejaculação*. Para alguns homens, diminuir ou cortar o consumo de álcool, tabaco ou drogas, pode melhorar o controlo de ejaculação*.

O seu médico pode recomendar que tente com a sua companhia sexual, a experimentação de várias técnicas, conhecidas por atrasar a ejaculação. Por exemplo, pode descobrir e identificar, e até mesmo controlar as sensações, que levam à ejaculação. Poderá ser também uma forma de melhorar a comunicação entre a(o) sua(eu) parceira(o), o que atrasa ou pode mesmo parar a estimulação. Pode experimentar o uso de preservativo para diminuir a sensibilidade no pénis. Recomendamos também experimentar diferentes posições (como deitado de costas), durante as relações sexuais. O aconselhamento ou terapia podem ajudar a reduzir a ansiedade relacionada com ejaculação precoce*.

Uso de medicamentos para tratar a ejaculação precoce

A medicação para a depressão é muita vezes usada como tratamento para os problemas de ejaculação prematura. Estes medicamentos, que incluem clomipramina e dapoxetina (Priligy) são usados devido aos seus efeitos secundários ajudarem a inibir o orgasmo, o que provoca um prolongamento na ejaculação*.

Relembramos que o recurso a medicamentos para a ejaculação precoce deve ser evitado dependendo das causas, recorrendo a alternativas como:

  • Exercícios específicos;
  • Técnicas contra ejaculação precoce;
  • Tratamento natural para ejaculação

Ejaculação precoce, como controlar?

Há séculos que este é um problema comum entre os homens, havendo portanto sugestões simples que podem ajudar com este problema embaraçoso.

Exercícios para acabar com a Ejaculação Precoce

  • Treinar masturbação: esta é uma técnica que com a prática pode ser muito benéfica. Resumidamente consiste em cada vez que se masturbar, parar de o fazer no momento antes de atingir o orgasmo, aos poucos, irá habituar-se a controlar melhor o seu ponto máximo no prazer.
  • Masturbação & Preliminares: outra forma de ajudar a alcançar o orgasmo tão rapidamente durante a penetração será masturbar-se antes de haver penetração. Depois disso, deverá voltar a ter o pénis ereto para conseguir a penetração, mas, em geral, a segunda ejaculação num curto espaço de tempo, irá demorar sempre mais tempo, sendo uma ajuda extra para si.

Técnicas Práticas

Um dos principais motivos para acabar muito rapidamente com a diversão é a ansiedade, nada mais! Devido a vários fatores como nova parceira, problemas no trabalho, entre outros, esta aparece nos piores momentos, acabando por atrapalhar na pior altura. No entanto, existem formas simples de ajudar a controlar a ansiedade e aos poucos reduzir o seu efeito no ato sexual.

  • 1. Controlar a sua respiração e aprender a regulá-la é importante pois irá ser meio caminho para conseguir aliviar a sua ansiedade e consequentemente melhorar o seu desempenho. Já sabe, respire fundo, foque-se em manter-se sereno e calmo e verá os efeitos da respiração no seu corpo.
  • 2. Ao exercer pressão no períneo é uma forma de parar momentaneamente a sua ejaculação quando estiver quase a atingir o orgasmo. O períneo está localizado entre o ânus e o escroto. Recomendamos treinar inicialmente a sós, e quando tiver controlo sobre esta técnica, aplicá-la durante o ato sexual.
  • 3. Já ouviu falar de exercícios Kegel? Certamente já, mas são mais conhecidos entre as mulheres. No entanto, são igualmente benéficos para os homens. Aprenda como fazer: na próxima vez que for aliviar-se sinta os músculos que controlam a urina; depois use esse músculo para controlar a urina. Agora que já sabe qual é o músculo, ao longo do dia, tente exercitar o músculo em exercícios com várias repetições. Vá aumentando o número de repetições ao longo do tempo. Ao aprender a controlar este músculo, irá verificar um melhor controlo sobre a ejaculação.

Tratamentos naturais para ejaculação prematura

Existem também cremes, géis e sprays que podem ser usados para tratar a ejaculação precoce ao ajudarem a reduzir a sensibilidade no pénis*. Estes tratamentos são aplicados no pénis antes do sexo. Geralmente, incluem lidocaína ou benzoncaína, ou mesmo ingredientes de origem natural e provenientes de plantas.

  • O VigRX Spray é um produto natural, com benzoncaína, que ao ser aplicado antes do relacionamento sexual, ajuda a prolongar e a retardar e ejaculação*.
  • Pode também optar por produtos em forma de gel ou creme para ejaculação precoce. O Viaman Gel é 100% natural, e após ser aplicado, ajuda a dar uma leve dormência, para diminuir a sensibilidade*.

Como se pode diagnosticar a ejaculação precoce?

O seu médico irá discutir o seu historial médico e sexual consigo, deverá ser feito um exame físico para determinar algum problema de saúde que esteja associado ao problema. Em geral, o profissional de saúde, pede para falar com a(o) parceira(o) sexual.

A ejaculação prematura pode ter várias causas, e por este motivo, poderá ter de fazer vários testes clínicos.

Faça o seu diagnóstico sobre ejaculação precoce

A ejaculação precoce ocorre quando o homem ejacula antes do tempo desejado, tanto para ele, como para a outra pessoa. 1 em cada 3 homens já sofreu de uma experiência de ejaculação prematura. Enquanto este problema for ocasional, não há motivo de preocupação. No entanto, caso se torna recorrente, deverá realizar um pequeno diagnóstico para se certificar se sofre ou não de ejaculação precoce:

  • Sempre ou quase sempre ejacula 1 minutos após a penetração?
  • Tem dificuldades em retardar a ejaculação durante o sexo, sempre ou quase nunca?
  • Sente-se stressado, frustrado, e tende a evitar intimidade sexual como resultado?

Ambos os factores biológicos e psicológicos podem ter um papel muito importante na ejaculação. Embora muitos homens se sintam envergonhados em falar sobre o assunto, é sempre recomendado que falem sobre o problema com alguém, em especial com a companhia sexual, família ou amigos. Caso o problema não fique resolvido através de tratamentos simples, deverá recorrer ao seu médico para se aconselhar e descobrir o melhor tratamento para o seu caso. No entanto, por vezes o facto de falar sobre o problema, consegue resolvê-lo, sem ter de recorrer a medicação.