Linha aberta das 9h - 19h, Seg. a Sex

(+351) 308 804 992 LIVE CHAT
  • Serviço Discreto

    Embalagem e Facturação Discreta e Simples

  • Envio grátis para Portugal em encomendas acima de 50€

    Escolhe o seu dia de preferência

  • Os nossos clientes adoram-nos!

    Avaliações independentes pelo TrustPilot

alimentos para as hemorróidas

Não é mentira nenhuma que as pessoas vegetarianas restritas, que não comem ovos e lacticínios, têm menos problemas de intestinos e nomeadamente hemorróidas. Desta forma, fomos procurar alguns dos seus alimentos preferidos que ajudam a combater e tratar as hemorróidas.

Os melhores alimentos para quem sofre de hemorróidas

As hemorróidas podem dar uma luta cansativa e fazer recorrer a produtos naturais ou remédios caseiros, para alívio das mesmas.

Quais são as melhores comidas para ingerir se quer evitar as hemorróidas? Veja aqui a lista das melhores comidas para prevenir este problema comum, desde a papaia a ameixas, mirtilos e figos. Irá ver, que muitos dos alimentos anti-hemorróidas podem ser encontrados no mercado tradicional, logo ao lado da sua casa.

Esta informação é apenas sobre alimentos que podem ajudar a melhorar e evitar as malditas hemorróidas. Se procura um produto para tratar este problema, clique aqui.

Mirtilos

Os mirtilos são um dos frutos mais saudáveis para a saúde, e são fantásticos para quem sofre de hemorróidas. Graças à sua elevada concentração em antocianinas, os mirtilos ajudam a reparar as proteínas danificadas nos vasos sanguíneos e promovem a saúde em geral do sistema vascular. São também uma boa fonte de fibras insolúveis e solúveis, como a pectina. Para além disso, comparados com os outros frutos silvestres, os mirtilos (em especial os selvagens), são uma óptima fonte de vitamina E.

Figos

Os figos são um antigo conhecido, remédio para a obstipação. Para beneficiar de todos os seus efeitos laxativos, coma-os com a sua pele, uma vez que é o que contém mais fibra. Quando comprar os figos, escolha sempre os que estejam suaves e carnudos e não os que tenham um aspecto mole e meio podre. Não devem ter manchas, e devem apresentar uma cor escura, e ter um cheio fresco e levemente doce. Os figos são uma das frutas que mais facilmente se estraga, e como tal, aconselhamos que os coma passado um ou dois dias. Os figos secos, que têm uma duração mais longa quando guardados correctamente, são também óptimos para ajuda contra a obstipação.

Espinafres

O valor nutricional do espinafre torna-o num excelente e importante vegetal para qualquer pessoa que sofre de hemorróidas. Os espinafres são considerados um dos melhores vegetais para todo o tracto digestivo, e são muito eficazes a limpar e regenerar o tracto intestinal. Um dos seus compostos que promove a saúde dos intestinos é o magnésio, que é necessário para os movimentos correctos dos nossos intestinos. Uma deficiência de magnésio é comum nos países Ocidentais, onde o consumo de comidas processadas é mais comum, tendo menos ingestão de alimentos com elevado valor nutricional. Devido à agricultura excessiva nestes países, os solos também ficam com menos recursos de magnésio, reduzindo assim a quantidade de absorção dos vegetais, deste metal.

Quiabos

Não, não são diabos, são mesmo quiabos! Esta extraordinária planta, nativa do Este Africano é extremamente funcional em ajudar a manter um intestino saudável. As fibras do quiabo absorvem a água e conseguem desta forma dar mais volume às fezes, o que facilita estas a chegarem mais facilmente ao “fim”, prevenindo assim a obstipação e aparecimento de hemorróidas. A mucilagem dos quiabos lubrifica e suaviza o tracto intestinal, facilitando a evacuação das fezes e evitando a dor. Quando comprar os quiabos, procure por uns que sejam frescos, firmes e com vagens verdes claras, não maiores que 10 cm. Para preparar os quiabos, corte as duas extremidades das vagens, lave-os com água fria e coza ou salteie. Para manter os nutrientes e enzimas saudáveis deste alimento, este não deve ser muito cozinhado. Pode também comer os quiabos crus - adicione finas fatias à sua salada, e verá como fica deliciosa!

Beterrabas

Petiscar beterrabas é uma óptima forma de prevenir a obstipação e as hemorróidas! As beterrabas são ricas em fibra que ajuda a manter as fezes em movimento, através dos intestinos, num ritmo saudável. As suas folhas também são comestíveis e ricas em fibras portanto não as deite fora - podem ser cozinhadas e comidas como os espinafres. Em adição a ajudar o sistema intestinal e os seus movimentos, as beterrabas contêm fantásticas propriedades que as torna num super alimento para o cólon. A betacianina, um composto fotoquímico responsável pela cor roxa intensa das beterrabas, é altamente eficaz no combate de cancro, em particular no do cólon.

Papaia

Nativa da América Central, a planta da papaia é hoje em dia cultivada na maioria dos países tropicais. Chamada a “fruta dos anjos” pelo Cristóvão Columbus, a papaia é um super alimento para nós. É um alimento funcional quando adicionado à dieta, em especial, se costuma ter hemorróidas, uma vez que ajuda na digestão e a prevenir a obstipação. A papaia contém papaína, uma enzima proteína-digestiva, bem como outros compostos activos que melhoram a obstipação. A papaína tem maior concentração nas papais verdes do que nas papaias maduras. As papaias verdes, que estão mais facilmente disponíveis nos supermercados, são uma óptima adição às saladas.

Aveia

Comer uma taça de papas de aveia para o pequeno almoço, é uma forma fantástica de começar o seu dia. A aveia tem um elevado valor nutricional e é uma excelente fonte de fibras solúveis. As fibras solúveis formam um gel quando misturadas com água, enquanto as fibras insolúveis não o fazem e passam no intestino inteiras. O tipo de fibra solúvel é conhecido por prevenir a obstipação graças a dar mais volume às fezes e a torná-las mais moles.

Antes de comer a aveia, deve demolhá-la durante algumas horas. A aveia que não é tratada, como os outros grãos, contém ácido fítico que bloqueia a absorção de magnésio nos intestinos. Ao demolhar a aveia, permite que as enzimas de “partam” e neutralizem o ácido fítico, melhorando assim o valor nutricional da aveia.

Ameixas

As ameixas são uma óptima fonte de fibra. A fibra dietética é a parte das plantas que as enzimas do nosso corpo não conseguem digerir, e assim não é absorvida na corrente sanguínea. Como resulta, a fibra mantém-se no cólon e absorve a água de modo a amolecer as fezes, e assim prevenindo a obstipação. Este fruto contém também estimulantes suaves para o cólon, que melhoram os movimentos intestinais.

Cevada

A fibra dietética na cevada aumenta o volume e suaviza as fezes, diminuindo também o tempo do trânsito intestinal da matéria fecal, e assim reduzindo o risco de hemorróidas. A fibra da cevada alimenta as bactérias boas do nosso intestino grosso, ajudando estas bactérias a produzirem uma curta ligação de ácidos gordos, chamada de ácido butírico - que ajuda a manter um intestino saudável.

Newsletter
Registe-se para Ganhar Ofertas Especiais